Relógio Digital

domingo, 24 de março de 2013

"MONOVIN A" E AROVIT....























Pesquisas demonstraram que a utilização, conforme recomendado, acelera e muito o crescimento dos cabelos, além de lhes conceder vitamina A.

Para cabelos que não possuem crescimento regular.
Existem muitas polêmicas acerca dos resultados e de sua real eficácia, entretanto, devemos considerar a alimentação adequada, a genética de cada uma de nós, e claro a estrutura de cada cabelo.
Para a maioria uma verdadeira maravilha, para outras, poucas segundo pesquisei, um engodo, uma fraude.
Trata-se de Vitamina, aconselha-se, portanto cautela em seu uso, excesso de vitaminas, como devem saber, são capazes de grandes estragos...
Pesquisas que realizei na Net incluindo o youtube, mostram resultados de fato convidativos.
Já usei e afirmo que em meus cabelos vi resultados sim, faço progressiva e em menos de um mês lá estava a raiz esperando por “retoque”.
Como decidi abolir a progressiva, depois de resultados desastrosos, tive que encontrar alternativas para diminuir o volume dos fios.
De acordo com minhas pesquisas, seu uso é recomendado durante 3 dias semanais alternados.
Acredito estar aí uma das razões de que muitas meninas não viram o resultado: excesso!
Duas vezes está de bom tamanho , se lavar mais que 3 vezes por semana, alterne com um bom xampu adequado para seu tipi de cabelo e a necessidade dele.

A receita recomendada pelas belas é a seguinte:
1 xampu sem sal 300 mL + 3 gotas monovin A=

Esclarecendo: Para cada 100ml de xampu ( de sua preferência) acrescente 1 ml de Monovin A.
= xampu com 500 ml + 5 ml do produto.
Para dosar a quantidade recomendada, utilize uma seringa, um copinho de xarope: Mas por favor faça a dosagem!
Não aumente a dose, por favor, o resultado pode não ser a aceleração do crescimento, mas a quebra e queda!!!!
É aconselhado que se use por 3 meses e dê uma pausa ( olha o excesso!!!), em todas as pesquisas que realizei antes de resolver trabalhar com este produto, as belas em que viram o efeito seguiram exatamente estas primícias.
Informe-se através de pesquisas, no youtube, em blogs bastante sérios acerca desta fórmula.
É vendido em pet shops e em geral vem em frasco de 20 ml.
Seu preço varia muito, até porque não é encontrado em todo Pet shop, no link  você o encontra e recebe em casa; então SIGA AS RECOMENDAÇÕES E BORA SER BELA!
O principal efeito colateral do Monovin A é a queda de cabelo. Portanto, se você achar que mesmo assim o seus cabelos estão caindo mais que o normal, use apenas a cada 15 dias.
Vale lembrar que o Monovin A ajuda na hidratação dos fios, porém, sempre com aquele aspecto de oleosidade. O ideal é usar o produto por um mês e depois dar um intervalo do mesmo período, para aquelas pessoas que possuem problemas com a queda de cabelos.
Além disso, a vitamina A é bem tolerada, podendo ter algumas reações como: cefaleia, elevação da pressão intracraniana, hepatomegalia, fadiga, vertigens, vômitos, excitação, distúrbios do sono, anorexia, náuseas sangramento nasal, secura e descamação da pele, alopecia, artralgias.
Caso ocorra qualquer um dos efeitos mencionados acima, suspenda o uso imediatamente do Monovin A.
Monovin A.
Fórmula Monovin A:
Cada 100 mL contém:
Vitamina A _________________________________2.000.000 UI
Veículo oleoso q.s.p. ______________________________ 100 mL
Indicações Monovin A:
Avitaminoses e hipovitaminoses A e suas manifestações.
A carência de vitamina A pode ocasionar:
- Afecções oculares: conjuntivites, querato-conjuntivites, xeroftalmia e cegueira
noturna (hemeralopia), em caninos, felinos e bovinos.
- Diarréias, andar vacilante e incoordenado, levando a paralisia das patas,
traseiras; posição anormal da cabeça, observando-se nas
carências mais acentuadas a cegueira noturna (hemeralopia), em suínos;
- Transtornos nervosos com incoordenação muscular, passo vacilante e
ataques convulsivos em bovinos, eqüinos e ovinos;
- Esterilidade, abortos ou partos com fetos mortos em suínos e bovinos.
- Sintomas gerais: como afecções cutâneas e pelo sem brilho.
Dosagem do produto MONOVIN A:
Aplicar Monovin A até o desaparecimento dos sintomas ou a critério do Médico
Veterinário.
Animais de grande porte (bovinos, eqüinos e muares) - 10 mL (meio frasco) por
dia, durante 3 a 6 dias consecutivos – via intramuscular
profunda.
Animais de médio porte (potros, bezerros, porcos e carneiros) - 4 a 6 mL
diariamente, durante 3 a 6 dias consecutivos.
Animais de pequeno porte (cães, gatos, leitões, etc.) - 1 a 2 mL diariamente,
durante 3 a 6 dias consecutivos via intramuscular profunda.
Administração:
Monovin A em Injeções intramusculares profundas:
Precauções:
Desinfetar o local da aplicação.
Usar seringas e agulhas descartáveis ou esterilizadas.
Apresentação:
Monovin A em Frasco-ampola de 20 mL.
Classe Terapêutica:
VITAMINAS (FORMULAÇÕES PURAS E COMPLEXAS)
Princípio(s) Ativo(s):
VITAMINA A
Registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:
0240 em 24/10/72
Responsável Técnico:
Drª Patricia Pedroso Porto - CRMV: nº 3273
Serviço de Atendimento ao Consumidor:
21 2501-5858
Rua Joaquim Murtinho Nº 1269, Bairro Várzea de Cima
Tel.: (35) 3864-3816



BULA Vitamina A conhecida como AROVIT:

Arovit


Laboratório
Bayer
Apresentação de Arovit
Palmitato de retinol (gotas 20 ml e ampola) Acetato de retinol (drágeas c/ 30 un.)

Arovit - Indicações
Hipovitaminose A (carência de vitamina A) caracterizada por: cegueira noturna, xeroftalmia, (Xeroftalmia ou olho seco é uma doença caracterizada pela não-produção de lágrimas e por dificuldades de visão, principalmente durante a noite. É uma avitaminose causada pela falta da vitamina A, que é uma vitamina lipossolúvel, ou seja, se dissolve na presença de gordura. Caracteriza-se pela degeneração da conjuntiva e da córnea, que se apresentam secas, enrugadas e atrofiadas. As glândulas ópticas, obstruídas, deixam de produzir a secreção lacrimal responsável pela lubrificação do globo ocular. Também pode atingir coelhos. Penélope Sharmosa)

ceratomalácia, manchas de Bitot, xerose cutânea (A xerose cutânea ou pele seca é uma pele com pouca água na camada mais exterior da pele (estrato córneo) que funciona como barreira epidérmica que retêm água nesta camada da pele e que regula a perda de água para o exterior (transpiração insensível). ), distúrbios da queratinização (hiperceratose folicular- pele espessa Também denominada hiperkeratosis parafollicularis, é erupção clínica característica de tamponamento folicular, particularmente nas pernas e nos antebraços.
De causa desconhecida, o quadro usualmente começa na meia-idade (30 a 50 anos) e se associa ocasionalmente ao Diabetes mellitus, insuficiência renal crônica ou hiperlipidemia.
As lesões consistem em pápulas cujo diâmetro varia de milímetros a alguns centímetros, centradas por um tampão córneo rodeado por zona de eritema. O tampão salienta-se de uma depressão crateriforme e pode ser removido facilmente. As lesões são mais comuns nas pernas e nos antebraços, mas podem ser generalizadas. Ocasionalmente fundem-se para produzir placas policíclicas. Nas lesões mais tardias, há depressão e penetração do tampão ceratinoso, o qual podem provocar uma reação de corpo  estranho na derme-Penélope Sharmosa).alterações mucosas (metaplasia e atrofia), crescimento retardado.

Contra-indicações de Arovit

Durante os primeiros meses da gravidez, a vitamina A, sobretudo em doses elevadas, só deve ser administrada sob orientação médica.

Reações adversas / Efeitos colaterais de Arovit

A vitamina A é bem tolerada, mas quando ocorre uma hipervitaminose A no organismo, algumas reações adversas podem ocorrer, tais como:
cefaleia, elevação da pressão intracraniana,
hepatomegalia,
fadiga,
vertigens,
vômitos, excitação,
distúrbios do sono,
anorexia,
náuseas
sangramento nasal,
secura e descamação da pele,
alopecia, artralgias.

Esses efeitos indesejáveis podem ocorrer e dependem do estado e da sensibilidade do paciente. Caso ocorra qualquer um dos efeitos mencionados, ou outro suspenda o uso do medicamento.

Arovit - Posologia

Tratamento dos sintomas de carência: 30.000-50.000 UI/dia, (6-10 gotas ou 1 drágea). Nos casos graves e a critério médico, recomenda-se doses diárias de 100.000-200.000 UI (20-40 gotas ou 2-4 drágeas). Nos casos de distúrbios acentuados de absorção intestinal ou durante alimentação parenteral exclusiva, 1-2 ampolas por semana por via intramuscular profunda. Tanto as drágeas como as gotas podem ser tomadas com um pouco de água ou suco de frutas durante ou após as refeições.

Arovit - Informações

Arovit Gotas Ingrediente ativo:
Palmitato de retinol (Vitamina A) e Excipientes: Ácido acético glacial, Cremophor, Glicerol, Isofitol, Sacarina sódica, Benzoato de sódio, Essência de laranja.
Cada ml (ca. de 30 gotas) contém 150.000 U.I., o que corresponde a cerca de 82 mg de palmitato de retinol em solução coloidal hidromiscível.
Arovit Ampolas Ingrediente ativo: Palmitato de retinol (Vitamina A) e Excipientes: DL -a- tocoferol, Óleo de Amendoim. Cada ampola de 1 ml contém 300.000 U.I. (ca. de 165 mg de palmitato de retinol). 
Arovit Drágeas Ingrediente ativo: Acetato de retinol (Vitamina A) e Excipientes: Avicel, Óxido de magnésio, Estearato de magnésio, Povidone, Amido carboximetilsódico, Goma arábica, Amido de milho, b-caroteno, Cantaxanteno, Parafina líquida, Parafina sólida, Açúcar, Talco. Cada drágea contém 50.000 U.I., o que corresponde a cerca de 17 mg de acetato de retinol. Cada drágea contém, ainda 773 mg de glicídios, o que corresponde a 3 calorias/drágeas.
A vitamina A é uma importante vitamina lipossolúvel e sua deficiência, ainda hoje, é considerada um problema de saúde pública. Ela desempenha um importante papel no metabolismo geral de lipídios e proteínas. A vitamina A é essencial para a visão pois ela atua na manutenção da córnea e no processo visual. A adaptação à escuridão é um fenômeno físico-químico ligado a presença, dentro dos bastonetes retinianos, de pigmentos fotossensíveis que são elaborados a partir de um derivado de vitamina A.
A vitamina A também é essencial na diferenciação celular e no adequado funcionamento dos tecidos epiteliais (pele, mucosa e endotélio).Quando ocorre hipovitaminose A observa-se diminuição de secreção da mucosa e queratinização. Os derivados da Vitamina A atuam de maneira importante em numerosos processos fisiológicos ligados ao crescimento e sistema imunológico e como enzimas em diversos processos. Possuem também atividades antioxidantes.
SE analisarmos, entenderemos a razão pela qual acelera o crescimento dos cabelos, coloquei as composições do Monovin A ( medicamento Pet) e do Arovit ( medicamento humano)
Através das bulas acima, percebemos que a quantidade de princípio ativo no Monovin A é de Vitamina A _____________________________2.000.000 UI
Mais que o dobro se fizermos as contas nos baseando nas 30 gotas (1 ml) contém 150.000 U.I.,
Matemática, não é uma das minhas especialidades, porém se fizermos os caçulos chegaremos aos seguintes números:
3 ml ( indicação para a receita do xampu) equivale a 666.666.6666666667 de vitamina A 
Enquanto 3 ml de Arovit ( esta está mais fácil) é igual a 450.000.
666.666.666.666.6667
                       - 450.000
6.666.666.666.216.667 

Não é um dado surpreendente, mas a quantidade de princípio ativo no Monovin A é 6.666.666.666.216.667  nas mesmas proporções de 3 ml cada!
Está provado matematicamente, portanto, que embora algumas belas afirmem ser mito, enquanto outras se maravilham dos resultados, existe sim, embasamento científico com dados e quantidade de princípios ativos no Monovin A.
Mas tudo belas é uma questão de adaptação, qualquer vitamina, medicamento, não faz milagre! Faça sua parte, e por favor, mostrei as duas bulas para suplicar que não excedam da dosagem, ambas as bulas fazem a ressalva do excesso e das consequências...

Penélope Sharmosa



3 comentários:

  1. posso usar o palmitato de retinol no lugar do monovin a? vai ter o mesmo efeito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bela Maria,
      Não aconselho não; embora já tenha visto vídeos aconselhando esta mistura, não é AM absoluto aconselhada.
      Veja, postei a quantidade de vitaminas do Monovin A são enormes, daí seu efeito positivo, entretanto é necessária uma pausa, pois o excesso de vitamina A causa a queda e danifica o folículo capilar.
      Aconselho o arovit em máscaras nutritivas, hidratantes, alternadamente, pois se já está fazendo uso, ou pretende fazer do Monovin haverá seguramente sequelas nada agradáveis, e o que seria para ajudá-la será literalmente uma ‘bomba’ para as madeixas.
      Tudo em excesso, até a ingestão de água, é prejudicial, então para o bem de suas madeixas, por favor reconsidere, repense muito antes de se aventurar, uma vez que consertar o estrago é extremamente trabalhoso e acabamos por procurar desesperadamente ( sou exemplo disto) soluções mirabolantes , milagrosas e imediatas...E elas simplesmente não existem, leva um tempo ( para quem está precisando) significativo para recuperação de qualquer bobagem que façamos nos cabelos, ou mesmo reação adversa de produtos.
      Não aconselho em hipótese alguma a junção destes dois componentes.
      Cuidado bela, por favor...
      Penélope Sharmosa

      Excluir
    2. Olá bela Maria,
      Decididamente não!
      O Retinol O OU PALMITATO é um ÁCIDO A BASE DE VITAMINA “A” PREPARADO PARA A PELE!
      Cuidado pelo amor de Nossa Senhora das Madeixas!
      Veja:
      Palmitato de retinol e retinol:
      A vitamina A, também conhecida como retinol, já é antiga conhecida da indústria cosmética. Produtos à base desse ativo melhoram a elasticidade da pele amenizando rugas e linhas de expressão.
      Alguns testes clínicos indicaram ainda que a vitamina A é um excelente antioxidante, combatendo os radicais livres, que, juntamente com outros processos, são responsáveis pelo envelhecimento cutâneo.

      O retinol é um álcool que pode sofrer modificações químicas e se transformar em uma série de outros compostos, entre eles o palmitato de retinol, o ácido retinóico - que é um ácido - e vários outros.
      A estrutura básica da molécula, no entanto, não se altera, mantendo as características básicas da vitamina A.

      Desta forma, quando usados em cosméticos, o retinol e o palmitato de retinol têm as mesmas funções.
      A vitamina A e seus derivados são instáveis na presença de oxigênio, luz e calor. Por outro lado, os ésteres (palmitato, por exemplo) são os mais estáveis.
      Por ser um aldeído,( O aldeído mais conhecido é o metanol.
      Também é chamado de aldeído fórmico ou formaldeído. É um gás incolor, com cheiro muito forte e irritante. Muito solúvel em água. Em geral, é usado como solução aquosa, contendo 40% de aldeído fórmico, e e esta solução é chamado de formol ou formalina. É usado como desinfetante e na medicina, como conservador de cadáveres e peças anatômicas. Usado para a fabricação de medicamentos, plásticos e explosivos. Usado também em produtos de beleza.
      O etanol ou aldeído acético ou ainda acetaldeído tem cheiro forte e é solúvel em água. É obtido a partir do acetileno. É o ponto de partida para a fabricação de pesticidas, medicamentos, inseticidas e espelhos. Usado na produção de anidrido acético e ácido acético (presente no vinagre) e resinas). o palmitato resulta em uma formulação mais concentrada e eficaz.
      No mercado, é possível encontrar uma variedade de produtos à base de palmitato de retinol ou retinol, já que eles estimulam a produção de colágeno e elastina.

      Já o ácido retinóico é uma forma oxidada da vitamina A, e seu uso em escala industrial é proibido, ficando restrito aos consultórios médicos.
      Sua principal função é queratolítica, fazendo com que os queratinócitos no poro percam a coesão, o que impede a hiperqueratose e, consequentemente, a obstrução do poro.
      Desta forma, não se formam micro comedões ( chamados cravos) e a acne não consegue progredir. Nos casos mais severos de acne, pode ser empregado o tratamento de ácido retinóico via oral.

      Apesar da eficácia do ácido retinóico, alguns efeitos colaterais são relatados, como a descamação excessiva e a irritabilidade da pele.
      Sendo assim, pesquisas a partir do composto foram feitas, na tentativa de encontrar outra molécula que diminuísse a irritabilidade e aumentasse a eficácia do produto.
      Surgiu então o adapaleno, um retinóide de última geração, mais seletivo, que oferece maior eficácia clínica e menores efeitos colaterais.
      Não arrisque de modo algum, não sob minha modéstia orientação.
      O efeito certamente não será o mesmo, ao contrário, como se viu , no palmitato não há graxos, ao contrário, existe , aliás é à base de álcool que inequivocadamente irá detonar sua madeixa.
      Bela, além de mais acessível, é garantido o resultado a partir do Monovim A, mas veja bem, cada bela apresenta um crescimento: não caia nesta que “seu” cabelo “vai” crescer tantos centímetros; ele pode crescer os tais centímetros ou oscilar o que é normal, daí a razão de uma belas adorarem os resultados e outras simplesmente não perceberem...

      Excluir